Reportagens que envolvem justiça socioambiental motivam a jornalista Sucena Resk

conferencista_sucena

“Como jornalista socioambiental, transfiro para minha prática a experiência de tratar de temas relacionados a impactos ambientais, a povos tradicionais e indígenas e toda a rede de relações que envolvem a justiça socioambiental”, contextualiza sua atuação Sucena Shkrada Resk. A educomunicadora vai participar da webconferência “Webjornalismo, jornalismo ambiental e educomunicação socioambiental” no II Colóquio Mato-grossense de Educomunicação e I Seminário Virtual de Práticas Educomunicativas.

Em sua fala, Sucena vai abordar a Educomunicação como ferramenta em sala de aula – quando lecionou em curso técnico de meio ambiente – e no chão, com os agricultores. Discutirá os “desafios e pequenas conquistas que, às vezes, são imperceptíveis mas estão lá. Fora o grande retorno como cidadã, que a gente encontra nesta relação”.

De São Caetano do Sul-SP, a jornalista enfrentou novos desafios em 2015 vindo trabalhar na cidade de Cotriguaçu no Instituto Centro de Vida (ICV), desenvolvendo projetos jornalísticos e educomunicativos com agricultores.

Apaixonada pela história dos povos tradicionais, Sucena alimenta seu blog Cidadãos do Mundo desde 2007 com reportagens regulares. Esse espaço foi criado para dar “vazão às minhas leituras locais e de mundo sob as óticas socioambiental e de sustentabilidade, com artigos, crônicas e ensaio de imagens de minha autoria”. A jornalista diz que também foi motivada pelo fato de poder dar crédito a atitudes propositivas e expor reflexões que retratem a valorização socioambiental e a indignação diante da ausência do exercício de cidadania.

É jornalista formada pela PUC-SP e tem duas especializações em Política Internacional e em Meio Ambiente e Sociedade pela FESPSP. É autora do Projeto Vozes dos Biomas. Atuou em veículos impressos e on-line, como Revista Problemas Brasileiros, Agência Envolvorde para Instituto Ethos, Editora Horizonte, site Planeta Sustentável, Revista Fórum, site Mercado Ético, Fundación Mapfre, Editora Escala, Revista Filosofia, Leituras da História, Revista Viva Saúde, Revista Sociologia, Editora Símbolo, dentre outras.

Ainda, tem experiência em assessoria de imprensa e consultoria de comunicação com pesquisas e elaboração de conteúdo para cartilhas, livros e exposições.

 


Tudo sobre o II Colóquio Mato-grossense de Educomunicação

Talvez você também goste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *